[Energia Limpa] Matriz Energética Brasileira

Ao contrário do que muitos pensam, - inclusive eu - quase metade da energia consumida aqui no Brasil é renovável, ou seja, proveniente de recursos capazes de se refazer em um curto período de tempo. Isso mostra que não estamos muito atrasados em relação com os outros países, mas ainda há muito por fazer. As atividades que ainda utilizam combustíveis fósseis precisarão migrar para outras fontes de energia menos poluentes e que estejam em conformidade com o novo acordo sobre o clima. Por incrível que pareça, a matriz energética brasileira é uma das mais lipas do planeta, com quase metade - aproximadamente 45% - de energia renovável.

Matriz Energética Brasileira
O grande desafio que o Brasil está se propondo é crescer mantendo 
essa alta proporção de fontes renováveis na sua matriz.

Leia também:

Para José Goldemberg, físico, ex-secretário do Meio Ambiente de São Paulo e um dos responsáveis pela criação do Proalccol na década de 1970, ao utilizarmos fontes de energia produzidas aqui, não dependemos de importação nem ficamos suscetíveis a crises mundiais. Também estamos adiante na discussão ambiental, já que a hidroeletricidade e o etanol são renováveis e poluem pouco. Porém, a falta de investimentos em pesquisa e tecnologia está mudando o conjunto das fontes utilizadas e pode 'sujar' a matriz energética gradativamente.

Bioenergia

A bioenergia é aquela obtida a partir da biomassa, ou seja, de matérias-primas renováveis capazes de gerar energia. Já os combustíveis de origem biológica ou natural renovável, gerados a partir da biomassa, são chamados biocombustíveis. O grande desafio que o Brasil está se propondo é crescer mantendo essa alta proporção de fontes renováveis na sua matriz e, além disso, aumentar a participação das novas fontes renováveis na geração de energia elétrica. Dados da ANP também indicam que 45% da energia e 18% dos combustíveis consumidos no Brasil já são renováveis.


Novas Fontes Renováveis

  • Solar.

  • Eólica.

  • Biomassa.


Como é no Resto do Mundo

No resto do mundo, 86% da energia vêm de fontes energéticas não renováveis, como o petróleo e o carvão mineral. Porém, tendência é que esse número baixe drasticamente nos próximos anos em razão do compromisso individual de cada país. A meta estabelecida pelo Brasil é reduzir as emissões de gases do efeito estufa em 37% até 2025, com uma contribuição indicativa subsequente de reduzir as emissões de gases de efeito estufa em 43% até 2030. Para isso, o País pretende aumentar tanto a participação de bioenergia e biocombustíveis em sua matriz energética. Essa é a meta do nosso País, cada nação estabeleceu uma meta particular.


fonte: Revista Escola

Postagens mais visitadas deste blog

Identificação Civil Nacional (ICN)

Posse de Novo Secretário Geral da ONU

[Mudanças Climáticas] Delegação Brasileira Avalia a COP 22