O Mundo é Predatório

A principal causa dos problemas ambientais é essa. As pessoas pensam mais nelas mesmas do que nas outras. A lógica que a mídia passa para as pessoas é de que o 'ter' é mais importante do que o 'ser'. Em outras palavras, o que a pessoa tem seria mais importante do que o que ela é. Então, o lema da sociedade no mundo de hoje se tornou 'comprar, comprar e comprar', como se cada bem material comprado não fosse ser descartado alguns dias depois ou que não demandaria 'pedaços' de recursos naturais para montá-lo. Essa lógica só criaria pessoas fúteis e aumentaria ainda mais a desigualdade.

devastação de florestas
Pedaços de madeira são usados na montagem de bens materiais.

Leia também:


Empresas retiram recursos naturais do meio ambiente sem a mínima preocupação em repor, sem a consciência de que aquela pequena quantidade de recurso faz parte de um conjunto mais amplo. Esperamos que nesse ano a mentalidade das grandes empresas e governos mudem e que além do replantio, invistam, também, em painéis fotovoltaicos. Uma redução, mesmo que mínima, na utilização de combustíveis, já representa um grande passo no combate desse egoísmo.

Na esfera social, esse egoismo predatório se traduz na forma de desigualdade social e pobreza, dois problemas sociais que afetam todos os países atualmente, sem exceção. Acompanhando essa crescente desigualdade social, cresce também a violência, em um ciclo vicioso contínuo. O conceito de desigualdade social é uma ideia maior que abrange outros tipos de desigualdades, como as desigualdades de oportunidades, de resultados, de renda, de escolaridade, de gênero, etc. Esse ciclo vicioso só será quebrado, quando nos conscientizarmos de que isso é prejudicial e empreendermos esforços para a criação de uma sociedade mais igualitária.

Postagens mais visitadas deste blog

Identificação Civil Nacional (ICN)

Temer entrega ratificação do acordo do clima de Paris na ONU

[Vamos Apoiar] 10 Medidas Contra a Corrupção